Itraconazol – Saiba Tudo Sobre esse Medicamento!

A apresentação de infecções fúngicas é algo muito comum na vida de muitas pessoas, para solucionar esses problemas Itraconazol foi desenvolvido. O medicamento age em ação com seus compostos para solucionar os problemas de infecções fúngicas, como: micoses nos olhos, boca, unhas, pele, vagina, etc.

Seguindo essa linha de raciocínio, hoje em nosso artigo vamos apresentar á você informações relevantes sobre o Itraconazol. É um composto químico desenvolvido para solucionar os problemas de muitas pessoas, esses problemas estão relacionados á infecções fúngicas.

Age com foco no combate dessas infecções, assim eliminando os agentes que as causam. Ele é bastante poderoso e conhecido pelas pessoas que resolveram seus problemas de micose.

Para que serve o Itraconazol?

Itraconazol serve

Serve para sanar os problemas de micose que as pessoas possuem. O medicamento consegue agir nas micoses mais simples como na unha, e também consegue agir nas micoses mais complexas como as que aparecem em órgãos internos.

Assim percebemos que o composto químico não possui limite de ação, e consegue sanar até os problemas mais complexos de infecção fúngica. É preciso que você paciente tenha conhecimento da composição, pois em caso de alergia a algum composto, não fará o uso.

A composição é a seguinte:

  • Excipiente q.s.p.
  • Hidroxipropilmetilcelulose.
  • Sacarose.
  • Eudragit E 100.

Caso seu corpo não possa receber algum composto do Itraconazol, não faça o uso do medicamento, para assim não ter reações negativas.

Contraindicações do medicamento

Assim como todo medicamento o Itraconazol possui suas contraindicações, fique atento para saber se você se encaixa nelas: não pode ser utilizado por pessoas com alergia á seus compostos. Não pode ser utilizado por gestantes ou mães em período de amamentação, apenas se o médico recomendar.

O medicamento apresenta alguns efeitos colaterais ao fazer seu uso, e são eles:

Itraconazol contraindicações

  • Dor de cabeça.
  • Queda de cabelo.
  • Tonturas.
  • Enjoo.
  • Vômitos.
  • Fraqueza muscular.
  • Desequilíbrio gástrico.
  • Dor abdominal.
  • Diarreia.
  • Prisão de ventre.
  • Distúrbios menstruais e alergias.

Em casos de falta de ar, ganho de peso, inchaço nas pernas, fadiga nada normal e insônia, é necessário notificar o médico.

Posologia básica

É necessário seja ingerido após uma refeição, para que dessa forma todo medicamento seja aproveitado. Faça o uso do mesmo imediatamente após terminar a refeição.

É preciso que o paciente busque saber qual dose terá que tomar, pois a quantidade mudará de acordo com o caso.

O que diz na bula?

O medicamento Itraconazol só poderá ser utilizado em crianças em casos extraordinários e recomendados pelo medico. É necessário notificar o medico se ocorrer casos de formigamento, dormência ou fraqueza durante o tratamento. Você só poderá tomar antiácidos após ter passado suas horas de sua ingestão.

Itraconazol para que

Durante o período de tratamento, existe uma série de remédios que vem ser evitados. Caso contrário, isso poderá resultar em consequências negativas. Os medicamentos á serem evitados são:

  • Alguns medicamentos para alergia como: terfenadina, astemizol, mizolastina.
  • Remédio para problema de digestão, Cisaprida.
  • Alguns medicamentos que reduzem o colesterol, como: Sinvastaína e Lovastatina.
  • Alguns comprimidos para dormir, como: Midazolam e Triazolam.
  • Medicamentos para distúrbios psíquicos, como: Pimozida e Sertindol.
  • Alguns medicamentos para casos de irregularidades do batimento cardíaco, como: Quinidina e Dofetilida.

Essa é uma indicação realizada por profissionais, pois alguns medicamentos possuem a ação de diminuir os efeitos do Itraconazol. E assim o tratamento consequentemente será prolongado, pois ainda não foram resolvidos os problemas.

 


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (Nenhum voto, seja o primeiro)
Loading...

Leave a Reply